home  
 
home
adicionar ao favoritos
indique esta página
english version soon
Ginásticas
História
Acrobática
Aeróbica
Artística
Geral
Rítmica
Trampolim
Conteúdo
Artigos
Biblioteca
Entidades
Hot Links
Notícias
Onde Praticar
Resultados
Especiais
Ginásios
Ginasloucos
Obstinação
Personalidade
Supereventos
Interação
Chat
Downloads
Fórum
Guestbook
Newsletter
Opinião
Institucional
Anuncie
Contato
O Site
Quem Sou
Serviços

Consultar arquivos

criação e
manutenção
d_e_n_i_x®
     
 
Copa do Mundo 2003 - 1ª Etapa
 
 
 
 

1ª Etapa da Copa do Mundo de Ginástica Artística - Bercy/Paris - Março/2003

E o Brasil conseguiu excelentes resultados na primeira etapa da Copa do Mundo de Ginástica Artística, realizada em Bercy/Paris, na França, entre os dias 15 e 16 de março.

Concorrendo com grandes campeãs do mundo, Daniele Hypólito e Daiane dos Santos, alcançaram o segundo e o quarto lugares respectivamente na classificação final no aparelho solo!

Confira as notícias do evento:

16/03/2003

Veja todos os resultados

Resultados Finais Feminino:

Salto:
1 Anna Pawlowa (RUS) 9,438
2. Coralie Chacon (FRA) 9,438
3. Elena Zamolodchikova (RUS) 9,438
4. Alona Kvasha (UKR) 9,350
5. Oksana Chusovitina (UZB) 9,075
6. Alina Kozich (UKR) 8,988

Barras Paralelas:
1. Svetlana Khorkina (RUS) 9,550
2. Elisabeth Tweddle (GBR) 9,450
3. Gaelle Richard (FRA) 9,125
4. Leonida Florida (ROM) 9,000
5. Ilaria Colombo (ITA) 8,575
6. Irina Krasnianska (UKR) 8,175
7. Daniele Hypolito (BRA) 7,050

Trave:
1. Anna Pavlova (RUS) 9,425
2. Floarea Leonida (ROM) 9,250
3. Emilie Lepennec (FRA) 9,050
4. Ilaria Colombo (ITA) 9,05o
5. Oana Ban (ROM) 8,325
6. Suzanne Harmes (NED) 8,150
7 Elena Gomez (ESP) 7,925

Solo:
1. Elena Gomez (ESP) 9,525
2. Daniele Hypolito (BRA) 9,525
3. Floarea Leonida (ROM) 9,250
4. Daiane dos Santos (BRA) 9,200
5. Svetlana Khorkina (RUS) 9,150
6. Oana Ban (ROM) 8,975
7. Emelie Lepennec (FRA) 8,475

Resultados Finais Masculino:

Solo:
1. Jordan Jovchev (BUL) 9,650
2. Guard Young (USA) 9625
3. Igors Vichrovs (LAT) 9,550
4. Xing, Aowei (CHN) 9,525
5. Evgeni Sapronenko (LAT) 9,500
6. Cedric Guille (FRA) 9,375
7. Yernar Yerimbetov (KAZ) 9,275

Cavalo com Alças:
1. Marius Urzica (ROM) 9,775
2. Erik Casimir (FRA) 9,725
3. Ioan Suciu (ROM) 9,625
4. Nikolai Krukov (RUS) 9,600
5. Brett McClure (USA) 9,300
6. Liang, Fuliang (CHN) 8,650

Argolas:
1. Yuri van Geldern (NED) 9,700
2. Jordan Jovchev (BUL) 9,675
3. Andrea Coppolino (ITA)9,675
4. Roman Zozulia (UKR) 9,625
5. Stefan Zapf (GER) 9,570
6. Walid Said Eldariny (EGY) 9,525

Salto:
1. Ioan Suciu (ROM) 9,550
2. Robert Gal (HUN) 9,275
3. Dmitri Kasparovich (BLR) 9,113
4. Alexander Beresch (UKR) 9,113
5. Kanukai Jackson (GBR) 8,925
6. Kostas Barbakis (GRE) 4,800

 

Paralelas Simétricas:
1. Marius Urzica (ROM) 9,650
1. Mitja Petkovsek (SLO) 9,650
3. Yernar Jerimbetov (KAZ) 9,650
4. Alexei Bondarenko (RUS) 9,625
5. Liang, Fuliang (CHN) 9,600
6. Andreu Vivo (ESP) 8,875
7. Yann Cucherat (FRA) 8,700

 

Barra Fixa:
1. Philippe Rizzo (AUS) 9,700
1. Alexander Beresch (UKR) 9,700
3. Alexei Bondarenko (RUS) 9,650
4. Gedric Guille (FRA) 9,600
5. Jani Mönkkönen (FIN) 9,575
6. Nikolai Krukov (RUS) 9,000

Topo da página

16/03/2003

Daniele Hypólito é prata na França

Lancepress!

Brasileira brilha no solo na primeira etapa da Copa do Mundo de Ginástica Artística

Daniele Hypólito voltou a brilhar. Na disputa final do exercício de solo, realizado neste domingo, em Paris Bercy, pela primeira etapa da Copa do Mundo, a “Pequena Notável” conquistou a medalha de prata, com 9,525 pontos. A ginasta número um do Brasil só não ficou com a medalha de ouro pelo critério de desempate com a espanhola Elena Gomez, (campeã). A outra representante brasileira na prova de solo, a gaúcha Daiane dos Santos, ficou com a quarta colocação, com 9,200 pontos.

- É uma emoção muito grande em poder subir ao pódio mais uma vez numa competição tão forte como a Copa do Mundo. Estou muito feliz em poder colocar o nome do Brasil no topo da ginástica olímpica mundial. Dedico esta medalha de prata para todo povo brasileiro que com certeza torceu muito por mim e pela Daiane – disse Daniele.

Daniele comentou sobre sua atuação no solo e aproveitou para agradecer ao irmão mais velho Édson Hypólito, que ajudou a escolher a música (Hurrikane 2000, da banda de rock Scorpions) para suas apresentações.

- Acho que a música que meu irmão escolheu ajudou muito durante minha apresentação na França. A parte de coreografia, principalmente, chama muita atenção dos árbitros e do público – comentou Dani, vice-campeã mundial no solo, em Ghent, na Bélgica, em 2001.

Daniele saiu em defesa de Daiane dos Santos e contestou o critério adotado pelos árbitros para a quarta colocação de sua companheira de seleção no solo.

- Eles ainda não se acostumaram ver duas brasileiras no pódio. Acho que a Daiane merecia uma colocação melhor porque foi muito bem em sua apresentação – completou.

Topo da página

16/03/2003

Nas paralelas, Daniele Hypólito é apenas a sétima colocada

Lancepress!

Medalha de prata na final do exercício de solo na primeira etapa da Copa do Mundo de Ginástica Artística, em Paris, a ginasta brasileira Daniele Hipólito foi apenas a sétima colocada na final das barras assimétricas (paralelas), somando um total de 7.050 pontos. A medalha de ouro ficou com a russa Svetlana Khorkina, 9,550 pontos. A inglesa Elisabeth Tweddle e a francesa Gaelle Richard, ficaram com a prata e o bronze, respectivamente.

A próxima etapa da Copa do Mundo será realizada em Cottbus, na Alemanha, já no próximo fim de semana.

Topo da página

15/03/2003

Daniele Hypólito e Daiane dos Santos brilham em Paris

Lancepress!

Brasileiras estão nas finais por aparelho, que serão disputadas neste domingo

As brasileiras Daniele Hypólito e Daiane dos Santos brilharam na fase de classificação da primeira etapa da Copa do Mundo de Ginástica, disputada neste sábado, em Paris, na França. A Pequena Notável, que participou das provas nos quatro aparelhos, garantiu vaga na final deste domingo no solo e nas paralelas - e ainda se classificou como a primeira reserva na trave. Daiane foi impecável no solo e terminou em primeiro lugar, garantindo vaga na decisão.

Daniele terminou em quarto lugar no exercício de solo, atrás ainda da espanhola Elena Gomez, segunda colocada, e da russa Svetlana Khorkina, terceira. Já nas paralelas, a ginasta número um do Brasil se classificou para a final em terceiro lugar. Apenas seis ginastas disputarão medalhas por aparelhos neste domingo.

- Fico feliz por poder ver o nome do Brasil mais uma vez numa final de Copa do Mundo de Ginástica. A missão foi cumprida, mas a partir do momento em que você chega a uma final, tudo pode acontecer – disse Daniele.

A final nas paralelas começa às 6h (horário de Brasília) deste domingo, enquanto a decisão no solo está marcada para as 10h30min.

Topo da página

14/03/2003

Daniele Hypólito prevê dificuldades na Copa do Mundo

Lancepress!

Daniele Hypólito inicia neste sábado a briga por medalhas na primeira etapa da Copa do Mundo de Ginástica, que será disputada em Paris, na França. Será a primeira competição internacional da brasileira neste ano e, apesar da expectativa de repetir os bons desempenhos que teve em 2002, Daniele prevê dificuldades.

"Estou iniciando a temporada e a expectativa é de que eu possa fazer uma boa apresentação na Copa do Mundo. O nível técnico desta competição é muito forte e terei que enfrentar adversárias de respeito, como a espanhola Elena Gomez, atual campeã mundial no solo, as romenas Oana Ban e Iona Petrovschi, que já foram medalhistas mundiais, e a russa Svetlana Khorkina. Isto sem contar as ginastas chinesas e holandesas que também são excelentes", disse Daniele.

Daniele estreará participando da fase de classificação do campeonato nos quatro aparelhos: solo, salto sobre o cavalo, trave e paralelas. Caso se classifique entre as seis melhores por cada aparelho (com a possibilidade de uma sétima ginasta se classificar pela repescagem), Daniele disputará a final no domingo.

Além da ginástica artística feminina, que terá a participação de outra brasileira, a gaúcha Daiane dos Santos, a competição contará ainda com a disputa masculina e uma exibição de esportes acrobáticos. No total, estarão competindo em Paris por aparelhos, 143 ginastas de 36 países.

Topo da página

14/03/2003

Sob "observação", ginastas brasileiras iniciam temporada na França

Por Cristiano Cipriano Pombo - Agência Folha/SP

As ginastas Daniele Hypólito, 18, e Daiane dos Santos, 20, fazem neste sábado, a partir das 17h30, na França, o primeiro teste do planejamento da Confederação Brasileira de Ginástica para as temporadas de 2003 e 2004.

Ao contrário de outros anos, em que problemas como a falta de verbas e as dificuldades para reunir os atletas para treinar em Curitiba eram latentes e atrapalharam os planos da entidade, Daniele e Daiane participam da primeira etapa da Copa do Mundo para corresponder a duas expectativas.

Primeiro, as pessoais, já que ambas buscam reabilitação no torneio. Segundo, as da CBG, que espera resultados neste ano na tentativa de classificar pela primeira vez uma equipe feminina brasileira -seis ginastas- para os Jogos Olímpicos. "Elas estão preparadas para representar bem o Brasil nesta competição", afirmou Vicélia Florenzano, presidente da CBG.

A entidade, que cumpriu à risca seu cronograma de treinos para as atletas da ginástica artística -foram mais de dois meses de atividades em Curitiba-, programou participação em etapas da Copa do Mundo para dar ritmo e embalar as atletas em eventos internacionais, visando o Pan-Americano e o Mundial de Anaheim, que ocorrem em agosto.

Se, por um lado, a preparação iniciada em janeiro foi a melhor das duas atletas, que são os principais nomes da seleção brasileira feminina hoje no país, por outro, Daniele e Daiane terão que exorcizar no tablado do centro esportivo de Bercy suas últimas performances na Copa do Mundo.

Daniele, que durante um ano (novembro de 2001 a novembro de 2002) marcou presença no pódio do torneio e obteve até o primeiro ouro do país na Copa do Mundo, tenta voltar a conquistar medalhas após o quinto lugar no Mundial de Debrecen e o quarto na final da Copa, em Sttutgart.

Para tanto, a ginasta paulista vai competir nos quatros aparelhos possíveis: solo, trave, paralelas assimétricas e salto sobre o cavalo.

"Fiz minha melhor preparação. Mas o nível técnico é muito forte e terei que enfrentar rivais de respeito, como a espanhola Elena Gomez [atual campeã mundial no solo] e a russa Svetlana Khorkina", afirmou Daniele.

Já Daiane volta à Copa, em meio a 143 atletas de 36 países (há eventos de ginástica artística masculina e esportes acrobáticos), no mesmo lugar em que obteve sua melhor colocação no evento: quarto lugar no solo em uma etapa em Paris há quase um ano. Após sofrer uma lesão no joelho e ficar fora do Mundial por contusão, a ginasta gaúcha tenta mostrar que está recuperada.

Além de buscar uma vaga na final de domingo, Daniele e Daiane ainda ficarão na Europa, acompanhadas do técnico da seleção, o ucraniano Oleg Ostapenko, e da supervisora Eliane Martins, que também será jurada em Paris.

A dupla viajará para Cottbus, na Alemanha, onde será realizada nos dias 21, 22 e 23 a segunda etapa da Copa do Mundo.

Topo da página

 
 
 
     
   
 
 
 
Resolução mínima de 800x600 IE 5.0
© Copyright Ginásticas.com 2000-2003,
Denis R. Patrocinio